segunda-feira, 9 de outubro de 2017

SOBRE A SENHA DE LOGON NO WINDOWS 10 ― Continuação

LEMBRE-SE DE CAVAR O POÇO BEM ANTES DE SENTIR SEDE.

Já vimos como “pular” a tela de logon e economizar alguns segundos na inicialização do Windows 10 e que essa configuração só deve ser implementada por quem não compartilha o computador com outros usuários ― ou não corre o risco de ser vítima de algum abelhudo de plantão. Vermos agora veremos o que fazer se ligamos o computador e, quando vamos digitar a senha, dá aquele branco total.

Observação: Lapsos de memória são mais comuns do que se costuma imaginar e não acometem apenas pessoas idosas. Todavia, de você tem “memória de galinha”, o logon por reconhecimento facial pode ser a solução, até porque escrever a senha de logon no post-it e grudá-lo na moldura do monitor não é recomendável.

A política de contas de usuário, permissões e senhas de acesso da Microsoft vem ficando mais robusta a cada edição do Windows. No ME, bastava pressionar a tecla ESC para driblar a senha de logon, mas essa história mudou com o XP, embora a versão Home pudesse ser acessada sem senha, desde que reiniciássemos o computador no modo de segurança e fizéssemos o logon com a conta Administrador (que, por padrão, não requer senha). No XP Professional ― e nas edições posteriores do Windows ―, esse truque não funciona, mas o Active Password Changer supre a lacuna ― desde que você esteja disposto a pagar US$ 49,95 pela licença.

Como é sempre melhor prevenir do que remediar, convém criar um disco de recuperação de senha o quanto antes. Como isso é feito através de recursos do próprio Windows, você não terá de gastar um tostão, desde que disponha de um pendrive ou outro dispositivo USB de memória Flash. Veja como proceder:

― Faça logon no sistema usando sua conta local, plugue um pendrive numa portinha USB e digite criar disco de redefinição de senha na caixa de pesquisas da Barra de Tarefas (ou na caixa de diálogo do Cortana).
― Na lista de resultados, clique em Criar um disco de redefinição de senha e, no Assistente de senha esquecida, selecione Avançar, defina a unidade flash USB e clique novamente em Avançar.
― Digite sua senha, clique em Avançar e, ao final, em Concluir. Remova o pendrive e guarde-o em local seguro. 
  
Se você for pego no contrapé e não tiver um disco de recuperação de senha, a Microsoft lhe dá uma mãozinha (claro que será preciso acessar a página e seguir as instruções a partir de um tablet, de um smartphone ou de outro computador).

Continuamos na próxima postagem. Até lá.

Visite minhas comunidades na Rede .Link:



Postar um comentário